Santuário da Adoção – Abril 2019

 

Filhos do coração:

Histórias emocionantes de quem adotou.

 

Este mês trago o depoimento emocionante de Lúcia Carvalho (56 anos), funcionária pública, coordenadora do Grupo de Apoio à Adoção Ana Gonzaga e militante efetiva na busca de famílias para crianças e adolescentes de difícil colocação, carinhosamente chamada no mundo da adoção de “cegonha”.

Eu me chamo Lúcia Carvalho, sou solteira e sempre quis ser mãe. Por minha convicção jamais quis ter filho do “acaso” ainda mais que sabia que inúmeras crianças aguardavam num abrigo esperando uma família.

Me habilitei e sempre conversava com Deus da seguinte forma: “Senhor, eu sei que nesse país de dimensões continentais existe uma criança reservada para mim. Mostra-me que irei buscar!” Dito e feito! Em dezembro de 2006 meu telefone tocou da Comarca de Jacundá/Sudeste do Pará. Lá, existia uma menina de quase 5 anos que cantou ao telefone a seguinte música: “Me leva pra casa, me faça feliz, me conte uma história que me faça sorrir, não quero brinquedo me compre um sorriso e me faça sonhar”. Ali nasceu uma mãe! Por conta de ser região amazônica nunca consegui receber uma única foto dela, mas eu sabia que ali estava minha filha, aquela que eu havia rogado a Deus e que, embora fosse a 1600 km do Rio de Janeiro, a promessa havia sido cumprida!

Enviei minha documentação e em 12 de Janeiro de 2007, após quase 11 horas de viagem (4 de voo e o restante cruzando o Rio Amazonas e suas inúmeras pontes) cheguei a Jacundá faltando meia hora para audiência! Ali, diante da Justiça, mas sob a proteção de Deus, eu formava minha família! Minha filha Paula acabara de nascer…

A menina de olhos vivos, pele morena e cabelos bem cacheados que cantara prá mim ao telefone se apresentava agora e comigo começávamos a reescrever a minha história e a dela!

Chegamos ao Rio em 17 de janeiro de 2007 e toda família já nos aguardava no aeroporto para conhecer o novo membro da família tal quais as famílias esperam do outro lado do vidro da maternidade!

Foram tempos difíceis de adaptação tanto minha como dela. A comida era diferente, o sotaque criava algumas situações engraçadas… A saúde dela precária e com 8 dentes bastante comprometidos dos quais só pude salvar 5… O aprendizado na escola para a menina que sequer conhecia as cores… Fui apoiada em todos os lugares e em especial nos Grupos de Apoio a Adoção onde fiz amigos para vida inteira.

Se superação tem nome com certeza é Paula!

Depois de um ano e meio, Paulinha se tornava a aluna estrela da escola, estando completamente alfabetizada e com excelente rendimento escolar!

Novamente a fé se fez presente: Em julho de 2009 fui diagnosticada com Melanoma Maligno. Um câncer extremamente agressivo. Roguei novamente a Deus pedindo a misericórdia dele, não por mim, mas por ela! Para não condená-la a um segundo abandono!  Minhas preces e a de tantos foram ouvidas…

Então eu entendi que ELE não havia poupado minha vida à toa! Que ELE queria que eu fosse instrumento para que outras crianças pudessem encontrar sua família! Eu que já era Coordenadora do Grupo de Apoio Ana Gonzaga, ligado a 3ª Vara da Infância pude perceber que só o fato de preparar os futuros pais e mães para a chegada do filho não bastava! Existiam

Milhares de crianças que estavam fora do perfil pretendido pelos que aguardavam na fila. Adolescentes, grupos de irmãos, portadores das mais diversas condições especiais eram invisíveis! Minha voz e meu olhar se tornaram os deles! Começamos junto a outras pessoas no Brasil buscando famílias para aqueles que no cruzamento de informações ficavam de fora! E assim, juntamente a outras pessoas fomos cegonhas de um número sem fim de crianças. Hoje nem me dou mais conta de quantas famílias ajudei a formar! Os que não teriam ninguém no cadastro nós entramos no coração desses pais e fizemos as pontes necessárias àquele encontro! Encontrei a minha missão!

Continuo meu trabalho não só no Grupo de Apoio formando pais, mas principalmente buscando famílias para aqueles que ainda não as encontram!

Hoje minha filha já está prestes a fazer 17 anos!  Quanta coisa se passou … Tantas famílias que formei e tantos amigos que a adoção me deu!

Gratidão me define! Pela minha filha, pela minha vida e por ter encontrado minha missão!

Lucia Carvalho.

btn_cepar_468x150  Cepar
  • Alfabetização, cidadania, comunicação, saúde, coral, ações sociais e eventos, você encontra aqui!
Saiba mais

Apostolado da Oração, Congregação Mariana, Grupos de Oração, Liga Católica, Movimento Mãe Rainha e Pastoral Vocacional...

Saiba mais

Você, jovem ou adolescente, que quer se aproximar mais de Deus, confira as opções de grupos jovens que nossa paróquia oferece.

Saiba mais

Aqui você encontrará informações sobre CF, Fé e Dons, Círculos Bíblicos, Cursos da Palavra, Escola de Evangelização Santo André e Mater Eclesiae e Luz e Vida.

Saiba mais

Informações sobre Batismo, Crisma ou Confirmação, Eucaristia, Confissão ou Penitência, Extrema Unção, Ordem e Matrimônio ministrados em nossa paróquia.

Saiba mais

localVeja o mapar de como chegar a Paróquia e Santuário Nossa Senhora de Loreto:

Ladeira da Freguesia, 375 -Freguesia - Jacarepaguá – RJ

CEP 22760-090

Saiba mais  

Entre em contato conosco através dos emails da Administração, Ação Social Loreto, Pe. Barnabitas, Igreja N. Senhora de Loreto, Jornal O Mensageiro, Secretaria, Pascom e Pastoral da Juventude.

Saiba mais

Confira o horário de atendimento de nossa secretaria, missas, confissões, eucaristia e batismo.

Saiba mais
CAPELAS

capelaNeste espaço, você encontrará os endereços das Capelas assistidas pela nossa paróquia e seus respectivos horários das Missas:

    • » NOSSA SENHORA DA PENNA
    • » NOSSA SENHORA DO AMPARO
    • » NOSSA SENHORA DE BELÉM
    • » SÃO JOSÉ (CARMELO)
    • » SANTO ANTONIO
Saiba mais
HISTÓRICO DA PARÓQUIA

quem_somosPrezado leitor, querido paroquiano.

Sim. Agora podemos dizer que Nossa Senhora de Loreto é Patrona do nosso povo de Jacarepaguá há mais de 350 anos.

Quando o P. Manoel de Araujo veio de Lisboa, trouxe esta imagem e, tendo conseguido alguns favores por intercessão da Virgem, lhe dedicou um santuário. Conta o Frei Agostinho de Santa Maria no seu livro “Santuário Mariano e história das imagens milagrosas de Nossa Senhora” de 1723:

Saiba mais
HISTÓRICO DO SANTUÁRIO

hist_santuarioO Brasil, em colonização pelos portugueses, saía do Ciclo do Pau Brasil e ingressava no do Açúcar. Desenvolvia-se em terras litorâneas a construção de engenhos e fazia-se presente atividade febril nos meses de moagem da cana e fabrico de açúcar.

As terras de Jacarepaguá eram consideradas extremamente férteis e a região onde seria construída a Igreja do Loreto era denominada Planície dos Onze Engenhos...

Saiba mais
CEPAR

CeparO CEPAR (Centro de Estudos paroquial Nossa senhora de Loreto), inaugurado em Maio de 2000, uma área construída de cerca de 3000 m2, um complexo com 15 salas de aula cada uma com 30 lugares, um plenário para cerca de 120 participantes, um salão para festas e eventos abrigando 50 mesas redondas de 6 lugares, sem prejuízo da pista de dança e a varanda que circunda o salão pode abrigar 20 mesas redondas de 6 lugares,portanto, cerca de 420 pessoas podem desfrutar dos eventos no salão...

Saiba mais
HISTÓRICO DE NOSSA SENHORA DE LORETO

Historico N. Sra. LoretoNossa Senhora de Loreto

A ditosa casa de Nazaré, onde, após a saudação do Anjo à futura Mãe de Deus, o Verbo se fez Carne, foi transportada, segundo a tradição, para a cidade de Loreto, na Itália.

A Santa Casa de Loreto foi o primeiro santuário de porte internacional dedicado à Santíssima Virgem tendo sido, durante muitos séculos, o verdadeiro centro Mariano da Cristandade....

Saiba mais
Facebook
Twitter
YouTube
INSTAGRAM