Onde está Jesus?

               Nossos presépios deveriam ser montados nove dias antes do Natal, quando, em tese, deveria começar a novena de Natal. Em tese, porque na prática, já ha muitos anos, começamos a novena de Natal no início do Advento, período em que celebramos a espera vigilante do nascimento de Jesus. Assim, a Igreja nos ensina a meditar sobre cada personagem envolvido na cena do nascimento, em especial Maria e José, para que possamos, com o exemplo deles, preparar nossos corações à obediência, ao perdão, a solidariedade e acolhimento necessários para bem recebermos Aquele que é o Verbo encarnado. Dessa forma, a imagem do Menino Jesus só entra no presépio no último dia da novena ou na noite do dia 24 de dezembro. Enquanto este dia não chega, a manjedoura fica vazia. Lá estão os pastores ajoelhados, animais dormindo, luzes do pisca-pica acesas, até a estrela-guia apontando o caminho aos magos que se aproximam, mas o menino não está lá. Nossos corações se agitam na espera, provavelmente como estavam os corações dos israelitas que aguardavam a vinda do messias. E essa expectativa nos leva a perguntar: Onde está Jesus? Ou onde guardamos o Cristo? Talvez, sem querer, entrando na resposta, possamos reconhecê-Lo entre nós.

               “O senhor Jesus subiu ao reino dos Céus e sentou-se ao lado de Deus pai todo-poderoso, criador do céu e da terra…”, Ele dar-se a reconhecer no Corpo das escrituras, ele que é Palavra, Verbo de Deus, nos mostra sua presença contínua em nossas vidas, estando na providência de todas as coisas e na intercessão daqueles que através da fé invocam o seu nome. Jesus deixa-Se encontrar na Eucaristia, Corpo Santo, Alimento Sagrado descido do céu para nos sustentar em todos os momentos. Entre nós está também o Cristo no seu Corpo que é a Igreja. A comunidade de fé é local marcado pela presença de Jesus, que nos une que nos inspira, que nos preenche com seu amor farto, incondicional. Na comunidade de fé aprendemos a amar, respeitar as diferenças, entender os desígnios, suportar as injúrias, se disponibilizar para o serviço em favor do próximo, silenciar, orar…

Simbolicamente deixamos a manjedoura vazia por uns dias antes do Natal, mas em todos os outros dias, depois do Natal, ela fica mesmo vazia, pois Jesus não está mais lá! Aquele que veio um dia nos trazer a salvação encontra no coração fraterno e humilde morada certa.

               Jesus reflete seu rosto no rosto do pequeno e do pobre, especialmente nos mais frágeis e sofredores. Podemos encontrar Jesus sempre que saímos de nós mesmos para ir de encontro ao outro, sempre que amamos o próximo como a nós mesmos, a cada sentimento sincero de um coração arrependido, na extrema miséria dos pobres que padecem. Podemos sentir Jesus também no dom da vida, nos gestos de altruísmo, na cura de um enfermo, na proteção aos desamparados, no acolhimento dos excluídos, no resgate da dignidade humana. A sua verdadeira face pode ser sensivelmente compreendida em Lucas 10, 30-37: “Descia um homem de Jerusalém para Jericó, e caiu nas mãos dos salteadores, os quais o despojaram e, espancando-o, se retiraram, deixando-o meio morto. Um samaritano, que estava viajando, chegou perto dele, viu e sentiu compaixão. Aproximou-se dele e fez curativos, derramando óleo e vinho nas feridas. Depois colocou o homem em seu próprio animal e levou-o a uma pensão, onde cuidou dele. No dia seguinte, pegou duas moedas de prata e entregou-as ao dono da pensão, recomendando: ‘Toma conta dele! Quando eu voltar, vou pagar o que tiveres gasto a mais”.

Que este Natal nos faça de fato encontrar o Senhor e nos faça responder de pronto que Jesus está entre nós.           Que o rosto do Cristo possa ser percebido no irmão que precisa de nosso amparo, mas que seja refletido em nossos próprios rostos, na prática sincera das obras de misericórdia.

Um Feliz Natal!

 

Pascom Loreto

Colaborou: Luciana Magalhães

btn_cepar_468x150  Cepar
  • Alfabetização, cidadania, comunicação, saúde, coral, ações sociais e eventos, você encontra aqui!
Saiba mais

Apostolado da Oração, Congregação Mariana, Grupos de Oração, Liga Católica, Movimento Mãe Rainha e Pastoral Vocacional...

Saiba mais

Você, jovem ou adolescente, que quer se aproximar mais de Deus, confira as opções de grupos jovens que nossa paróquia oferece.

Saiba mais

Aqui você encontrará informações sobre CF, Fé e Dons, Círculos Bíblicos, Cursos da Palavra, Escola de Evangelização Santo André e Mater Eclesiae e Luz e Vida.

Saiba mais

Informações sobre Batismo, Crisma ou Confirmação, Eucaristia, Confissão ou Penitência, Extrema Unção, Ordem e Matrimônio ministrados em nossa paróquia.

Saiba mais

localVeja o mapar de como chegar a Paróquia e Santuário Nossa Senhora de Loreto:

Ladeira da Freguesia, 375 -Freguesia - Jacarepaguá – RJ

CEP 22760-090

Saiba mais  

Entre em contato conosco através dos emails da Administração, Ação Social Loreto, Pe. Barnabitas, Igreja N. Senhora de Loreto, Jornal O Mensageiro, Secretaria, Pascom e Pastoral da Juventude.

Saiba mais

Confira o horário de atendimento de nossa secretaria, missas, confissões, eucaristia e batismo.

Saiba mais
CAPELAS

capelaNeste espaço, você encontrará os endereços das Capelas assistidas pela nossa paróquia e seus respectivos horários das Missas:

    • » NOSSA SENHORA DA PENNA
    • » NOSSA SENHORA DO AMPARO
    • » NOSSA SENHORA DE BELÉM
    • » SÃO JOSÉ (CARMELO)
    • » SANTO ANTONIO
Saiba mais
HISTÓRICO DA PARÓQUIA

quem_somosPrezado leitor, querido paroquiano.

Sim. Agora podemos dizer que Nossa Senhora de Loreto é Patrona do nosso povo de Jacarepaguá há mais de 350 anos.

Quando o P. Manoel de Araujo veio de Lisboa, trouxe esta imagem e, tendo conseguido alguns favores por intercessão da Virgem, lhe dedicou um santuário. Conta o Frei Agostinho de Santa Maria no seu livro “Santuário Mariano e história das imagens milagrosas de Nossa Senhora” de 1723:

Saiba mais
HISTÓRICO DO SANTUÁRIO

hist_santuarioO Brasil, em colonização pelos portugueses, saía do Ciclo do Pau Brasil e ingressava no do Açúcar. Desenvolvia-se em terras litorâneas a construção de engenhos e fazia-se presente atividade febril nos meses de moagem da cana e fabrico de açúcar.

As terras de Jacarepaguá eram consideradas extremamente férteis e a região onde seria construída a Igreja do Loreto era denominada Planície dos Onze Engenhos...

Saiba mais
CEPAR

CeparO CEPAR (Centro de Estudos paroquial Nossa senhora de Loreto), inaugurado em Maio de 2000, uma área construída de cerca de 3000 m2, um complexo com 15 salas de aula cada uma com 30 lugares, um plenário para cerca de 120 participantes, um salão para festas e eventos abrigando 50 mesas redondas de 6 lugares, sem prejuízo da pista de dança e a varanda que circunda o salão pode abrigar 20 mesas redondas de 6 lugares,portanto, cerca de 420 pessoas podem desfrutar dos eventos no salão...

Saiba mais
HISTÓRICO DE NOSSA SENHORA DE LORETO

Historico N. Sra. LoretoNossa Senhora de Loreto

A ditosa casa de Nazaré, onde, após a saudação do Anjo à futura Mãe de Deus, o Verbo se fez Carne, foi transportada, segundo a tradição, para a cidade de Loreto, na Itália.

A Santa Casa de Loreto foi o primeiro santuário de porte internacional dedicado à Santíssima Virgem tendo sido, durante muitos séculos, o verdadeiro centro Mariano da Cristandade....

Saiba mais