“Jovem: levanta-te, seja fermento!”

 

2013 está sendo um ano privilegiado e único para nossa juventude.

A Campanha da Fraternidade (CF), com o tema“Fraternidade e Juventude” e o lema “Eis-me aqui, envia-me!”(Is 6,8), convida todas as pastorais, os movimentos, as congregações e as novas comunidades das Igrejas locais a refletirem sobre o seu papel no acompanhamento dos jovens. A responsabilidadepela evangelização da juventude não é apenas de uma pessoa, um assessor adulto, um coordenador jovem, um catequista, mas sim de toda a comunidade. Não podemos mais ficar nas arquibancadas criticando as poucas pessoas que estão assumindo o ministério de assessoria dos jovens. Temos todos (toda a Igreja) que “vestir a camisa, entrar em campo e jogar juntos”.

O Documento de Puebla apresenta duas prioridades – duas opções preferenciais – para Igreja da América Latina: os jovens e os pobres. A juventude é um grupo social de grandes potencialidades para a renovação da sociedade e da Igreja. Há alguns anos, celebramos a alegria de contemplarmos todas as forças vivas que trabalham com a Evangelização dos jovens, buscando trabalhar em comunhão: PJs, Movimentos Juvenis, Novas Comunidades, Congregações Religiosas, Pastoral Vocacional, Catequese e outras instâncias têm buscado criar o Setor Juventude nas diversas Igrejas Locais. As metodologias e as espiritualidades podem ser diferentes, mas a visão é comum! Esta visão está melhor explicitada no Documento 85 da CNBB, intitulado “Evangelização da Juventude, Desafios e PerspectivasPastorais”.

A Jornada Mundial da Juventude, ocorrida no Rio de Janeiro, congregou milhares de jovens de quase todos os cantos do Brasil e de inúmeros países do mundo. Seu tema“Ide e fazei discípulos entre todas as nações” (Mt 28,19) provocou a juventude brasileira a refletir sobre seu comprometimento missionário. Uma semana antes ocorreu em todas as Igrejas Locais do Brasil a “Semana Missionária” que ofereceu a oportunidade de apresentar nossa fé àqueles que estão afastados e, em algumas dioceses, partilhar nossa vivência cristã com jovens de outros países, sob a orientação de três eixos: experiência de solidariedade, experiência de fé e experiência cultural. Por ser em nível local, os jovens se mobilizaram para assumir sua missão de serem os apóstolos privilegiados de outros jovens, em especial com os estrangeiros, promovendo afraternidade universal. “Portanto, não há diferença entre judeu e grego: todos têm o mesmo o Senhor, que é generoso para com todos os que o invocam” (Rm 10,12).

A CNBB deixa claro que a Jornada é um evento importante no processo de evangelização da juventude, mas não é o ponto de chegada. O grande desafio é o fortalecimento do processo de acompanhamento sistemático dos grupos e das equipes de coordenação para que haja garantia de continuidade, afim de que os jovens possam se comprometer com a Pessoa e o projeto de Jesus.

No mês de outubro, os jovens brasileiros são convocados a realizar o Dia Nacional da Juventude (DNJ) como tema “Juventude e Missão” e o lema “Jovem: levante-se, seja fermento!”. Este subsídio inspira-se na proposta missionária apresentada pelo Documento de Aparecida. O cartaz e os subsídios foram publicados antecipadamente para facilitar o trabalho de motivação e de organização da campanha.

Além disso, neste ano, a Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude retoma a parceria com as Pontifícias Obras Missionárias (POM) para a realização do DNJ. Esta é uma boa notícia e uma retomada histórica, pois nas primeiras edições do evento já era assim, o que influenciou inclusive na decisão de se celebrar o Dia Nacional em outubro (mês dedicado às missões).O DNJ deste ano é uma oportunidade para fortalecer os processos de acompanhamento dos jovens e não deixar as coisas desanimarem com o encerramento da Jornada Mundialda Juventude, desafiando toda a Igreja Jovem do Brasil a assumiro compromisso missionário celebrado na JMJ.

O DNJ segue uma tradição semelhante à da Campanhada Fraternidade, acentuando a dimensão social da fé, enfocando os problemas que afligem a juventude. A escolha do tema “Juventude e Missão” não contradiz esta tradição. No Novo Testamento há dois modelos missionários que se complementam. No primeiro modelo, apresentado em Mt 28,16-20, Jesus envia seus apóstolos para fortalecer a consciência missionária, saindo ao encontro daqueles que não creem em Cristo. No segundo modelo, de Lc 4,16-21, na sinagoga, Jesus fala da necessidade de responder adequadamente aos grandesproblemas da sociedade na qual se está inserido. O desafio é de trabalhar os dois modelos de maneira que se complementem, evitando assim os reducionismos.

Feliz DNJ para todos e todas que são jovens e que acreditamna juventude de nosso país!

Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude (CNBB)

btn_cepar_468x150  Cepar
  • Alfabetização, cidadania, comunicação, saúde, coral, ações sociais e eventos, você encontra aqui!
Saiba mais

Apostolado da Oração, Congregação Mariana, Grupos de Oração, Liga Católica, Movimento Mãe Rainha e Pastoral Vocacional...

Saiba mais

Você, jovem ou adolescente, que quer se aproximar mais de Deus, confira as opções de grupos jovens que nossa paróquia oferece.

Saiba mais

Aqui você encontrará informações sobre CF, Fé e Dons, Círculos Bíblicos, Cursos da Palavra, Escola de Evangelização Santo André e Mater Eclesiae e Luz e Vida.

Saiba mais

Informações sobre Batismo, Crisma ou Confirmação, Eucaristia, Confissão ou Penitência, Extrema Unção, Ordem e Matrimônio ministrados em nossa paróquia.

Saiba mais

localVeja o mapar de como chegar a Paróquia e Santuário Nossa Senhora de Loreto:

Ladeira da Freguesia, 375 -Freguesia - Jacarepaguá – RJ

CEP 22760-090

Saiba mais  

Entre em contato conosco através dos emails da Administração, Ação Social Loreto, Pe. Barnabitas, Igreja N. Senhora de Loreto, Jornal O Mensageiro, Secretaria, Pascom e Pastoral da Juventude.

Saiba mais

Confira o horário de atendimento de nossa secretaria, missas, confissões, eucaristia e batismo.

Saiba mais
CAPELAS

capelaNeste espaço, você encontrará os endereços das Capelas assistidas pela nossa paróquia e seus respectivos horários das Missas:

    • » NOSSA SENHORA DA PENNA
    • » NOSSA SENHORA DO AMPARO
    • » NOSSA SENHORA DE BELÉM
    • » SÃO JOSÉ (CARMELO)
    • » SANTO ANTONIO
Saiba mais
HISTÓRICO DA PARÓQUIA

quem_somosPrezado leitor, querido paroquiano.

Sim. Agora podemos dizer que Nossa Senhora de Loreto é Patrona do nosso povo de Jacarepaguá há mais de 350 anos.

Quando o P. Manoel de Araujo veio de Lisboa, trouxe esta imagem e, tendo conseguido alguns favores por intercessão da Virgem, lhe dedicou um santuário. Conta o Frei Agostinho de Santa Maria no seu livro “Santuário Mariano e história das imagens milagrosas de Nossa Senhora” de 1723:

Saiba mais
HISTÓRICO DO SANTUÁRIO

hist_santuarioO Brasil, em colonização pelos portugueses, saía do Ciclo do Pau Brasil e ingressava no do Açúcar. Desenvolvia-se em terras litorâneas a construção de engenhos e fazia-se presente atividade febril nos meses de moagem da cana e fabrico de açúcar.

As terras de Jacarepaguá eram consideradas extremamente férteis e a região onde seria construída a Igreja do Loreto era denominada Planície dos Onze Engenhos...

Saiba mais
CEPAR

CeparO CEPAR (Centro de Estudos paroquial Nossa senhora de Loreto), inaugurado em Maio de 2000, uma área construída de cerca de 3000 m2, um complexo com 15 salas de aula cada uma com 30 lugares, um plenário para cerca de 120 participantes, um salão para festas e eventos abrigando 50 mesas redondas de 6 lugares, sem prejuízo da pista de dança e a varanda que circunda o salão pode abrigar 20 mesas redondas de 6 lugares,portanto, cerca de 420 pessoas podem desfrutar dos eventos no salão...

Saiba mais
HISTÓRICO DE NOSSA SENHORA DE LORETO

Historico N. Sra. LoretoNossa Senhora de Loreto

A ditosa casa de Nazaré, onde, após a saudação do Anjo à futura Mãe de Deus, o Verbo se fez Carne, foi transportada, segundo a tradição, para a cidade de Loreto, na Itália.

A Santa Casa de Loreto foi o primeiro santuário de porte internacional dedicado à Santíssima Virgem tendo sido, durante muitos séculos, o verdadeiro centro Mariano da Cristandade....

Saiba mais
Facebook
Twitter
YouTube
INSTAGRAM