Fé e Política – mar2017

 

“A (velha) crise da esperança (que insiste em nos atormentar)…”

 

Vasculhando meus arquivos antigos, eu me deparei com esse artigo que escrevi em fevereiro de 2006 e que tinha como título “a crise da esperança”. Eu fiquei tão perplexo com ele que fiz questão de republicá-lo esse mês, pois infelizmente nada mudou (só o Papa) e ainda há muito que fazer… E só depende de nós… Vamos fazer a nossa parte?

———————————–

Sempre tive muito interesse em estudar os hábitos e a cultura do povo Chinês. Considerado um dos povos mais antigos do planeta, os chineses sempre souberam como poucos superar dificuldades e adversidades que a história e o homem os impuseram. Possuem problemas e defeitos? Certamente que sim. Entretanto, muitas lições utilizadas pela sociedade moderna na solução de problemas importantes são originárias dos chineses e da sua cultura. Vamos, por exemplo, aproveitar um pequeno conceito chinês para fazer uma análise sobre a crise política que estamos vivendo, as suas consequências para a nossa sociedade e a possível saída para esta situação em que nos encontramos.

A palavra “crise” em chinês possui dois significados: o primeiro quer dizer grande perigo e o segundo oportunidade. A palavra é a mesma, entretanto qual destes significados vai pautar a nossa “crise” depende única e exclusivamente de nós. E é exatamente aí que se esconde a grande questão sobre qual o caminho a ser seguido para resolver a atual crise política brasileira.

Sanguessuga, mensalão, propinoduto, lista de Furnas e etc. são algumas das expressões que simbolizam o motivo do desencanto e da frustração do brasileiro com a política. Ao que tudo indica essa eleição baterá todos os recordes de abstenção e votos nulos da história do processo político brasileiro. E, infelizmente, esse tipo de atitude somente ajuda aos mandatários envolvidos nos esquemas de corrupção citados acima. Afinal, conforme está na Constituição Federal e no código eleitoral, o voto nulo apenas reduz a quantidade de votos necessários para um parlamentar ser eleito, tanto nas eleições majoritárias (Presidente e Governador) quanto nas proporcionais (Deputados Estaduais e Federais). Qualquer notícia diferente disso, como por exemplo, a possibilidade de se “anular” as eleições anulando o voto, é boato e não passa de “imaginário popular”, conforme o próprio Tribunal Superior Eleitoral já explicou em resposta a uma consulta recente. Essa atitude de anular o voto esconde o lado do “perigo” no primeiro significado chinês da palavra crise. Isso porque ao anular o nosso voto, conforme acabamos de ver acima, estaremos passando uma procuração de plenos poderes para que alguém, que provavelmente nem se quer conhecemos, administre a nossa vida. Virar as costas para o processo eleitoral é continuar permitindo que sejamos atropelados pelas consequências das atitudes dos picaretas de plantão.

Já o segundo significado chinês da palavra crise nos revela a grande chance que temos de mudar esse cenário todo: a nossa participação. Tudo o que está acontecendo hoje é fruto não apenas do nosso voto, mas da nossa ausência no acompanhamento dos mandatos depois da eleição, sobretudo no poder legislativo (minúsculo mesmo) onde está concentrada boa parte dos nossos atuais problemas políticos. Será que temos o hábito de procurar saber o que anda fazendo o nosso representante? Quantos de nós já fizemos uma visita à Assembleia Legislativa do nosso Estado para procurar saber o que os nossos mandatários andam votando e fazendo? E a Câmara Municipal? Será que ninguém nunca reservou um dia da semana durante o horário de almoço para visitá-la e procurar saber qual a agenda de votação? Ou como e quando será votado o orçamento municipal? Um bom exemplo é a taxa de iluminação pública que pagamos no Rio e que foi aprovada naquela casa há muito pouco tempo. Alguém sabe quais vereadores votaram a favor da criação desse absurdo que encarece a nossa vida todo mês?

O nosso envolvimento e a nossa participação são a chave da transformação da nossa sociedade. É claro que atitudes que caracterizam o pecado da venda de votos, como os centros sociais de saúde ou qualquer outro tipo de favores eleitoreiros precisam ser repudiados e denunciados, pois além de crime (conforme consta na Lei 9.840), essas práticas demonstram bem o perfil do mandatário que as utilizam: se fazem isso durante as eleições o que farão depois com os mandatos? Entretanto, o que iremos fazer a partir do dia seguinte das eleições para acompanharmos e fiscalizarmos os futuros mandatários é que irá transformar de forma efetiva o retrato da política brasileira.

 

Robson Leite

Robson Leite é professor, escritor, membro da nossa paróquia, Ex-Superintendente Regional do Ministério do Trabalho e Emprego no RJ e foi Deputado Estadual de 2011 a Janeiro de 2014.

Site: www.robsonleite.com.br

Página do Facebook: www.facebook.com.br/robsonleiteprofessor

 

 

btn_cepar_468x150  Cepar
  • Alfabetização, cidadania, comunicação, saúde, coral, ações sociais e eventos, você encontra aqui!
Saiba mais

Apostolado da Oração, Congregação Mariana, Grupos de Oração, Liga Católica, Movimento Mãe Rainha e Pastoral Vocacional...

Saiba mais

Você, jovem ou adolescente, que quer se aproximar mais de Deus, confira as opções de grupos jovens que nossa paróquia oferece.

Saiba mais

Aqui você encontrará informações sobre CF, Fé e Dons, Círculos Bíblicos, Cursos da Palavra, Escola de Evangelização Santo André e Mater Eclesiae e Luz e Vida.

Saiba mais

Informações sobre Batismo, Crisma ou Confirmação, Eucaristia, Confissão ou Penitência, Extrema Unção, Ordem e Matrimônio ministrados em nossa paróquia.

Saiba mais

localVeja o mapar de como chegar a Paróquia e Santuário Nossa Senhora de Loreto:

Ladeira da Freguesia, 375 -Freguesia - Jacarepaguá – RJ

CEP 22760-090

Saiba mais  

Entre em contato conosco através dos emails da Administração, Ação Social Loreto, Pe. Barnabitas, Igreja N. Senhora de Loreto, Jornal O Mensageiro, Secretaria, Pascom e Pastoral da Juventude.

Saiba mais

Confira o horário de atendimento de nossa secretaria, missas, confissões, eucaristia e batismo.

Saiba mais
CAPELAS

capelaNeste espaço, você encontrará os endereços das Capelas assistidas pela nossa paróquia e seus respectivos horários das Missas:

    • » NOSSA SENHORA DA PENNA
    • » NOSSA SENHORA DO AMPARO
    • » NOSSA SENHORA DE BELÉM
    • » SÃO JOSÉ (CARMELO)
    • » SANTO ANTONIO
Saiba mais
HISTÓRICO DA PARÓQUIA

quem_somosPrezado leitor, querido paroquiano.

Sim. Agora podemos dizer que Nossa Senhora de Loreto é Patrona do nosso povo de Jacarepaguá há mais de 350 anos.

Quando o P. Manoel de Araujo veio de Lisboa, trouxe esta imagem e, tendo conseguido alguns favores por intercessão da Virgem, lhe dedicou um santuário. Conta o Frei Agostinho de Santa Maria no seu livro “Santuário Mariano e história das imagens milagrosas de Nossa Senhora” de 1723:

Saiba mais
HISTÓRICO DO SANTUÁRIO

hist_santuarioO Brasil, em colonização pelos portugueses, saía do Ciclo do Pau Brasil e ingressava no do Açúcar. Desenvolvia-se em terras litorâneas a construção de engenhos e fazia-se presente atividade febril nos meses de moagem da cana e fabrico de açúcar.

As terras de Jacarepaguá eram consideradas extremamente férteis e a região onde seria construída a Igreja do Loreto era denominada Planície dos Onze Engenhos...

Saiba mais
CEPAR

CeparO CEPAR (Centro de Estudos paroquial Nossa senhora de Loreto), inaugurado em Maio de 2000, uma área construída de cerca de 3000 m2, um complexo com 15 salas de aula cada uma com 30 lugares, um plenário para cerca de 120 participantes, um salão para festas e eventos abrigando 50 mesas redondas de 6 lugares, sem prejuízo da pista de dança e a varanda que circunda o salão pode abrigar 20 mesas redondas de 6 lugares,portanto, cerca de 420 pessoas podem desfrutar dos eventos no salão...

Saiba mais
HISTÓRICO DE NOSSA SENHORA DE LORETO

Historico N. Sra. LoretoNossa Senhora de Loreto

A ditosa casa de Nazaré, onde, após a saudação do Anjo à futura Mãe de Deus, o Verbo se fez Carne, foi transportada, segundo a tradição, para a cidade de Loreto, na Itália.

A Santa Casa de Loreto foi o primeiro santuário de porte internacional dedicado à Santíssima Virgem tendo sido, durante muitos séculos, o verdadeiro centro Mariano da Cristandade....

Saiba mais
Facebook
Twitter
YouTube
INSTAGRAM