Espaço Teológico – out2018

 

O perdão

 

“Suportem-se uns aos outros e perdoem as queixas que tiverem uns contra os outros. Perdoem como o Senhor lhes perdoou”. (Col. 3,13)

 

Muito se fala sobre o perdão, que está na essência de todo cristão, pois somos perdoados constantemente por Deus. Mas se ilude quem acha que perdoar é fácil, pois pedir perdão nos constrange, nos envergonha, nos enfraquece, nos dá um medo, porém, isso acontece porque somos imaturos, por isso temos muita facilidade para endurecer o nosso coração.

O perdão é uma das coisas mais libertadoras que alguém pode fazer. A falta de perdão é como uma pedra amarrada na perna de alguém, que a arrasta para o fundo do mar. Ele é uma das maiores formas de generosidade que existem. Dar e pedir perdão é uma liberdade, é uma parte quase inevitável de todas as relações. Há pessoas que não perdoam para não libertar o outro da culpa. Não fazê-lo implica cultivar a dor no nosso interior, se transformando em uma espécie de faca afiada e descontrolada capaz de causar um enorme estrago de maneira inesperada. Não saber perdoar nos prende à raiva e ao ressentimento, enchendo nosso pensamento com isso. Perdoar alguém que nos feriu não é fácil, mas é necessário para nos libertar das feridas do passado e deixar para trás qualquer carga emocional que nos machucar.

O gesto de não perdoar nos torna mais cegos e mais burros, pois não conseguimos enxergar o lado positivo e as qualidades obvias para qualquer outro olhar. Os defeitos, mesmo sendo frutos de preconceitos, são amplificados. Qualquer avaliação torna-se inviável. A inteligência e a sabedoria parecem evaporar.

Muitas pessoas entende o perdão de forma errada, acreditam que perdoar é: libertar a pessoa que o magoou de seus atos, é ceder, é oferecer a outra face, é fingir que nada aconteceu, é admitir que sua raiva não é justificada, é ser obrigado a se dar bem com alguém que você sente que pode feri-lo novamente.

Temos que entender que todo o ser humano em qualquer situação tem tanta necessidade de compreensão como tem de amor e que é condição necessária para o amor. O perdão tem a ver consigo mesmo, com se sentir bem. O perdão tem a ver com: libertar rancores ou ressentimentos; curar feridas, atenuar cicatrizes; ser uma escolha para passar a um estado mental melhor; nos ajuda a focar nos aspectos positivos do outro; nos dar uma oportunidade de começarmos do zero.

Perdoar é um grande ato de bondade para consigo mesmo e para os demais. O ideal é você poder lembrar qualquer acontecimento sem vivenciar coisas desagradáveis. A dor causada por um dano é inevitável nos faz revive-la.  

Não há uma única forma de perdoar, algumas pessoas têm mais facilidades que outras. E por isso devemos lembrar que as coisas não podem ser mudadas, mas você tem o poder de decidir a forma como responde aos acontecimentos.

 

 “Aquele que é incapaz de perdoar é incapaz de amar”

Martin Luther King

 

“Somente aqueles espíritos verdadeiramente corajosos sabem como perdoar. Um covarde nunca perdoa porque não está em sua natureza”.

Laurence Sterne

 

Michele Amaral

Bacharel em Teologia – PUC-Rio

btn_cepar_468x150  Cepar
  • Alfabetização, cidadania, comunicação, saúde, coral, ações sociais e eventos, você encontra aqui!
Saiba mais

Apostolado da Oração, Congregação Mariana, Grupos de Oração, Liga Católica, Movimento Mãe Rainha e Pastoral Vocacional...

Saiba mais

Você, jovem ou adolescente, que quer se aproximar mais de Deus, confira as opções de grupos jovens que nossa paróquia oferece.

Saiba mais

Aqui você encontrará informações sobre CF, Fé e Dons, Círculos Bíblicos, Cursos da Palavra, Escola de Evangelização Santo André e Mater Eclesiae e Luz e Vida.

Saiba mais

Informações sobre Batismo, Crisma ou Confirmação, Eucaristia, Confissão ou Penitência, Extrema Unção, Ordem e Matrimônio ministrados em nossa paróquia.

Saiba mais

localVeja o mapar de como chegar a Paróquia e Santuário Nossa Senhora de Loreto:

Ladeira da Freguesia, 375 -Freguesia - Jacarepaguá – RJ

CEP 22760-090

Saiba mais  

Entre em contato conosco através dos emails da Administração, Ação Social Loreto, Pe. Barnabitas, Igreja N. Senhora de Loreto, Jornal O Mensageiro, Secretaria, Pascom e Pastoral da Juventude.

Saiba mais

Confira o horário de atendimento de nossa secretaria, missas, confissões, eucaristia e batismo.

Saiba mais
CAPELAS

capelaNeste espaço, você encontrará os endereços das Capelas assistidas pela nossa paróquia e seus respectivos horários das Missas:

    • » NOSSA SENHORA DA PENNA
    • » NOSSA SENHORA DO AMPARO
    • » NOSSA SENHORA DE BELÉM
    • » SÃO JOSÉ (CARMELO)
    • » SANTO ANTONIO
Saiba mais
HISTÓRICO DA PARÓQUIA

quem_somosPrezado leitor, querido paroquiano.

Sim. Agora podemos dizer que Nossa Senhora de Loreto é Patrona do nosso povo de Jacarepaguá há mais de 350 anos.

Quando o P. Manoel de Araujo veio de Lisboa, trouxe esta imagem e, tendo conseguido alguns favores por intercessão da Virgem, lhe dedicou um santuário. Conta o Frei Agostinho de Santa Maria no seu livro “Santuário Mariano e história das imagens milagrosas de Nossa Senhora” de 1723:

Saiba mais
HISTÓRICO DO SANTUÁRIO

hist_santuarioO Brasil, em colonização pelos portugueses, saía do Ciclo do Pau Brasil e ingressava no do Açúcar. Desenvolvia-se em terras litorâneas a construção de engenhos e fazia-se presente atividade febril nos meses de moagem da cana e fabrico de açúcar.

As terras de Jacarepaguá eram consideradas extremamente férteis e a região onde seria construída a Igreja do Loreto era denominada Planície dos Onze Engenhos...

Saiba mais
CEPAR

CeparO CEPAR (Centro de Estudos paroquial Nossa senhora de Loreto), inaugurado em Maio de 2000, uma área construída de cerca de 3000 m2, um complexo com 15 salas de aula cada uma com 30 lugares, um plenário para cerca de 120 participantes, um salão para festas e eventos abrigando 50 mesas redondas de 6 lugares, sem prejuízo da pista de dança e a varanda que circunda o salão pode abrigar 20 mesas redondas de 6 lugares,portanto, cerca de 420 pessoas podem desfrutar dos eventos no salão...

Saiba mais
HISTÓRICO DE NOSSA SENHORA DE LORETO

Historico N. Sra. LoretoNossa Senhora de Loreto

A ditosa casa de Nazaré, onde, após a saudação do Anjo à futura Mãe de Deus, o Verbo se fez Carne, foi transportada, segundo a tradição, para a cidade de Loreto, na Itália.

A Santa Casa de Loreto foi o primeiro santuário de porte internacional dedicado à Santíssima Virgem tendo sido, durante muitos séculos, o verdadeiro centro Mariano da Cristandade....

Saiba mais
Facebook
Twitter
YouTube
INSTAGRAM